A prefeitura de Uarini não está pagando dívida de medicamentos

Prefeito de Uarini, Carlos Gonçalves de Souza Neto.

O prefeito de Uarini, Carlos Gonçalves de Souza Neto, está sendo acusado de não pagar dívida municipal contraída com a compra de medicamento para a rede de saúde local, desde junho de 2013.

O empresário, que preferiu não se identificar por medo de retaliação, tem procurado o prefeito sucessivamente nos últimos 10 meses, sem sucesso. Ele garantiu que propôs acordo e parcelamento da dívida de R$ 80 Mil, mas nem assim o prefeito se sentiu atraído pela oferta.

“O prefeito não tem honrado acordos, nem comigo e nem com outros empresários de pequeno porte”, garantiu. Com isso a dívida vem se arrastando, com o prefeito afirmando, que não paga os pequenos empresários porque o município está falido.

Fonte: Correio da Amazônia