Amazonino diz que Estado não pode ser entregue a aventureiros

Para uma multidão em Coari (a 360 quilômetros a Oeste de Manaus), o candidato da coligação “Eu voto no Amazonas”, Amazonino Mendes (PDT), disse, na noite do último sábado, que não irá permitir que aventureiros afundem o Estado. “Eu não posso permitir que aventureiro lance mão de novo na máquina administrativa. Não quero nem pensar em ver o estado nas mãos de inescrupulosos como ele ficou”, disse.

Amazonino participou do lançamento da candidatura a deputada estadual, vice-prefeita do município, Mayara Pinheiro. Diante de mais de 11 mil coarienses, na praça Sant’Ana e São Sebastião, Amazonino fez um balanço dos dez meses de governo, com as ações que resultaram em investimentos superiores a R$ 1,5 bilhão; cumprimento de pagamento de datas-bases atrasadas há várias gestões dos servidores da saúde, segurança e educação, entre outros setores; e chamamento de aprovados em concursos públicos.

“Este velho de 78 anos já havia pendurado as suas chuteiras. Mas cá para nós, eu ainda faço gol de placa como o Romário. E foi percebendo o problema (da malversação do dinheiro público) que eu larguei o meu conforto, fui à disputa no ano passado e Coari me abençoou com uma votação que eu jamais vou esquecer. Prometi arrumar a casa. O estado não deve mais nada. O estado está arrumado. Chamamos policiais, cumprimos nossa obrigação com os funcionários públicos. Há cerca de 15 anos o interior não via obras no sistema viário. Já têm 46 municípios em obras”, disse.

Ao lado dos deputados federais Átila Lins (PP) e Alfredo Nascimento (PR), candidatos à reeleição e a senador, respectivamente, Amazonino disse que a pujança de investimentos só foi possível pelo cuidado com os recursos públicos. “Há menos de um ano o estado estava falido, arrebentado, dizimado. Qual foi o segredo? É simples. Eu segurei o dinheiro, não deixei roubar. E, hoje, o interior está recebendo esses benefícios. A alegria já se instala onde antes havia escuridão e desesperança”, disse Amazonino, que tem como candidata a vice a ex-deputada federal Rebecca Garcia (PP).

Segundo o prefeito de Coari, Adail Filho (PP), Amazonino realiza um dos maiores trabalhos já executados na cidade. “É fundamental a reeleição do governador Amazonino Mendes. É incomparável o seu legado, a sua biografia e a competência. Ele já fez muito por Coari, está fazendo e vai fazer muito mais. É por isso que esse povo está aqui hoje”, disse. A candidata Mayara Pinheiro disse que Amazonino é o melhor governador que este estado já teve.

Investimentos

Durante os dez meses de governo, Amazonino Mendes devolveu a esperança de dias melhores aos coarienses, realizando investimentos que superam R$ 17 milhões. Somente na infraestrutura, Coari foi beneficiada, por meio da “Ação Conjunta” com a prefeitura, com R$ 15 milhões para a recuperação do sistema viário e iluminação pública. No setor de saúde, Coari, depois de quase 17 meses, voltou a receber repasses que superam R$ 1,2 milhão. O município recebeu recursos também para os setores primário, segurança e educação.

Texto – assessoria de imprenda
Foto: Clóvis Miranda