Anamã e Novo Airão já têm data para a escolha dos prefeitos tampões

Manaus – O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) confirmou nesta quinta-feira (19) as novas datas para os pleitos eleitorais nos municípios de Anamã e Nova Airão. Os prefeitos destas cidades eleitos foram afastados por irregularidades.

As eleições suplementares nos dois municípios, segundo o desembargador João Gomes, vão ocorrer em consonância com o segundo turno da eleição para a escolha do governador, deputados e senadores do Amazonas.

“Nosso pedido foi deferido pelo TSE e vamos realizar as eleições suplementares em Anamã e Nova Airão no dia marcado para o segundo turno das eleições, que é o dia 27 de outubro. Tendo ou não segundo turno para a escolha do cargo de governador, os municípios terão as suas eleições suplementares neste dia”, disse ele ao Amazonas Notícias.

Segundo João Simoes, as candidaturas dos potenciais pré- candidatos e o curso do pleito nos municípios deve seguir o calendário das eleições gerais para evitar custos extras ao Estado. As datas foram encaminhadas ao Ministério Público Eleitoral e o TRE-AM aguarda autorização para divulgação.

Anamã

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou na sessão do dia 19 de abril desta ano, que o prefeito de Anamã, Raimundo Chicó (MDB) fosse afastado do cargo e que o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) realizazse nova eleição na cidade.

Chicó, na eleição em 2016, cumpria o mandato como ficha suja, efeito da condenação sofrida nas Eleições 2008 e ele não poderia se candidatar de acordo com a Lei Eleitoral. A

Novo Airão

O plenário do TSE confirmou a cassação do diploma de Wilton Pereira dos Santos, eleito prefeito em 2016.

Ele foi condenado por ato de improbidade administrativa em processo transitado em julgado e, por essa razão, com base na Lei da Ficha Limpa (Lei nº 135/2010), não poderia ter se candidatado nas últimas eleições municipais.

A decisão do Tribunal, por maioria, foi tomada ao rejeitar recurso do candidato na sessão do dia 17 de maio deste ano.

Compartilhe