Anel Viário Sul começa a ser asfaltado pela Seinfra em Manaus

As obras do Anel Viário Sul avançam rumo à entrega, que está prevista para o final deste ano. Nesta segunda-feira (27/08), o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), deu início ao asfaltamento dos mais de 8 quilômetros que compõem a via.

Homens e máquinas começaram os trabalhos de imprimação asfáltica nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira, da ponte do Tarumã em direção à avenida Torquato Tapajós. A imprimação consiste na aplicação de uma fina película de material betuminoso sobre uma superfície granular concluída de uma das camadas do pavimento – como a base e a sub-base.

De acordo com secretário de Estado de Infraestrutura, Oswaldo Said, o objetivo é asfaltar por volta de 800 metros só nesse primeiro dia. Até quarta-feira (29/08), ele acredita que já tenham sido asfaltados pelo menos 3 quilômetros de estrada. “Depois que chegarmos à Torquato Tapajós, passaremos o trânsito para a pista nova, já asfaltada, e daremos início ao outro lado da via”, explicou Said, reforçando que tudo está transcorrendo dentro do previsto e a expectativa é que o trânsito flua normalmente na área.

O engenheiro Francisco Souza, responsável pela fiscalização da obra, explica que dentro de uma semana deverá ser encerrado o trecho que compreende a ponte do Tarumã até a avenida Torquato Tapajós. “Faremos a base, sub-base e imprimação asfáltica”, disse Souza.

O projeto do Anel Viário Sul prevê a duplicação de pouco mais de 8 quilômetros da estrada do Tarumã. O local contará com três retornos entre a Torquato Tapajós até a sede do Sistema de Proteção da Amazônia (Sivam).

Quando estiver concluída, a nova estrada deverá receber 14 paradas de ônibus. O término dos trabalhos está previsto para dezembro de 2018 e a obra está orçada em R$ 81.187.473,60.

FOTO: DIVULGAÇÃO/SEINFRA