Apenas 11% das micro e pequenas empresas que caíram na malha fina regularizaram situação

Das 100 mil micro e pequenas empresas que caíram na malha fina da Receita Federal, apenas 11% delas já regularizaram a situação com o órgão, de acordo com um levantamento divulgado pela própria Receita nesta segunda-feira (13).

Empresas que não regularizarem situação não poderão declarar o Simples Nacional de outubro

Como consequência, as empresas que ainda não resolveram a situação não poderão transmitir a declaração do Simples Nacional referente a outubro, que deve ser entregue até 20 de novembro. As empresas também ficam sujeitas a multas que podem chegar a até 225% sobre os débitos não declarados anteriormente, além de estarem sujeitas a uma possível exclusão do Simples Nacional.

Antes de enviarem a declaração de novembro, as empresas que caíram na malha fina precisam regularizar a situação. Para ter certeza dos tributos que devem ser pagos ou regularizados, os empresários devem baixar o PGDAS-D, aplicativo disponível no Portal do Simples Nacional, que realiza os cálculos tributários mensalmente.

Reportagem, Raphael Costa