Arrecadação da União passa dos R$ 110 bilhões em junho

A Secretaria da Receita Federal anunciou nesta terça-feira (24) a arrecadação obtida no mês de junho. O valor arrecadado com impostos, contribuições e demais receitas chegou aos R$ 110,8 bilhões. O valor representa uma alta real, acima da inflação, de 2,01%.

A variação representa uma queda em relação aos meses anteriores, que estavam registrando crescimentos acima de 5%.

Segundo a Receita, “o resultado pode ser explicado, principalmente, pela recuperação da atividade” e pelo aumento da arrecadação com programas de regularização tributária. Com esses programas, a Receita arrecadou R$ 13,51 bilhões, no primeiro semestre deste ano, contra R$ 3,551 bilhões, no mesmo período de 2017.

O resultado foi o melhor para o mês de junho desde 2015. Em junho de 2017, a arrecadação federal totalizou R$ 108,6 bilhões. Junho é o oitavo mês consecutivo de crescimento real da arrecadação federal, se comparado ao mesmo mês do ano anterior. A última queda registrada foi em outubro de 2017.

No acumulado dos primeiros seis meses deste ano, a arrecadação total somou R$ 714,2 bilhões. O valor representa um crescimento real de 6,8% se comparado com o mesmo período de 2017.

A meta para as contas públicas em 2018 é de déficit, ou seja, um resultado negativo de até R$ 159 bilhões. No ano passado, o rombo fiscal calculado foi de R$ 124 bilhões. Foi o quarto ano seguido de rombo nas contas públicas e o segundo pior resultado da história.

Reportagem, Paulo Henrique Gomes