Cinco são presos durante operação de segurança no Amazonas e motos roubadas em Manaus recuperadas

A Polícia Civil do Amazonas deflagrou na madrugada desta sexta-feira (3/8), em Coari, município distante 363 quilômetros em linha reta da capital, a operação “Coari Segura”, que resultou nas prisões, em flagrante, de Daniel Dias de Souza, 34; Erika Gabriela Silva da Silva, 24, Leonardo Barbosa Tavares, 31, em posse de joias e celulares furtados, além de Natalia de Sousa Moura, 28,e Thais Bianca Teixeira, 20, com sete trouxinhas de cocaína. Ao longo da ação foram recuperadas, ainda, cinco motocicletas roubadas em Manaus.

Os trabalhos foram coordenados pelo delegado-geral adjunto da instituição, Antonio Chicre Neto, e pelo delegado José Afonso Barradas, titular da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Coari. Policiais militares lotados naquele município também deram apoio à ação. Conforme o delegado-geral adjunto, as diligências tiveram como principal objetivo coibir delitos e reforçar o policiamento durante a comemoração do aniversário de 86 anos daquele município. A festa foi celebrada em um centro cultural de Coari.
De acordo com o titular da DIP de Coari, Daniel, Erika e Leonardo são integrantes de uma gangue conhecida como “Quadrilha da Tornozeleira Eletrônica”. Eles estavam cumprindo pena em prisão domiciliar na capital e viajaram para Coari com o objetivo de furtar objetos de pessoas que estavam participando do evento. “Eles se aproximavam das vítimas e, sem que elas percebessem, subtraíam os aparelhos celulares e objetos pessoais quando se distraíram. Durante diligências, uma vítima reconheceu os infratores”, explicou.

Os celulares encontrados com Daniel, Erika e Leonardo foram devolvidos aos donos. O delegado-geral adjunto relatou que,no decorrer da ação, os policiais civis e militares recuperaram cinco motocicletas roubadas em Manaus, que estavam em circulação naquele município. Os veículos serão encaminhados à Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), na capital, juntamente com outras quatro motocicletas apreendidas durante operação policial em Codajás nesta semana.

Flagrante – Daniel, Erika e Leonardo foram autuados em flagrante por furto e associação criminosa. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, eles serão levados à Unidade Prisional de Coari, onde irão permanecer à disposição da Justiça.

De acordo com Barradas, ao longo dos trabalhos investigativos foi verificado que Leonardo já tem passagem pela polícia por roubo majorado. Já Daniel e Erika têm passagem pela polícia por furto.

Foi verificado, ainda, que as substâncias ilícitas encontradas com Natalia e Thais eram para consumo próprio. Elas assinaram Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foram liberadas para responder pelo crime em liberdade.

FOTO: Divulgação / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.