Codam aprova investimentos de R$ 2 bilhões em novos projetos industriais

Foto: Clovis Mirada / Secom

A pauta que relacionava 25 projetos industriais com investimentos estimados de R$ 2 bilhões foi aprovada na íntegra na 275ª reunião do Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam), realizada nesta quarta-feira (29/08), na Secretaria de Estado de Planejamento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti). A previsão é de geração de 948 vagas no mercado de trabalho a partir da implantação dos projetos aprovados.

Os destaques da pauta foram os projetos da Flextronic Internacional Tecnologia para a fabricação de televisor em cores de tela de cristal líquido avaliados em R$ 106,15 milhões, e o da Foxconn Moebg Indústria de Eletrônicos, que apresentou proposta para a produção de terminais sobre linhas de fibras ópticas com recursos de R$ 50,54 milhões. Com investimentos de R$ 4,88 milhões, a Moinho Cearense teve aprovado o projeto para fabricar farinha de trigo em Manaus.

Presidida pelo secretário de Estado de Fazenda Alfredo Paes, representando o governador Amazonino Mendes, a reunião mobilizou os conselheiros em torno da discussão acerca da tributação das empresas terceirizadas do setor de componentes.

O representante da Federação das Indústrias do Amazonas, Nelson Azevedo, disse que os empresários da cadeia componentista estão apreensivos com a taxação das operações, o que pode, segundo eles, provocar uma cobrança em cascata.

O secretário Alfredo Paes assegurou que o Governo do Estado não tem intenção de comprometer o desenvolvimento do setor, mas lembrou que é preciso seguir as normas, as quais foram definidas no Conselho de Recursos Fiscais da Sefaz, uma instância colegiada da qual fazem representantes de diversos setores, incluindo a indústria.