Constelação sistêmica familiar no poder judiciário é tema de palestra promovida pela Escola da OAB-AM

As inscrições já estão abertas e estão sendo feitas pela ESA. A palestrante é presidente da Associação Brasileira de Consteladores Sistêmicos.

A técnica da constelação, um mecanismo que se propõe a facilitar a conciliação na Justiça brasileira, será tema de palestra no mês de agosto, na capital amazonense. O evento é promovido pela Escola Superior da Advocacia da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Amazonas (ESA/OAB-AM) em parceria com a Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam), órgão do Tribunal de Justiça do Estado.

O evento será realizado no dia 10 de agosto, das 15h às 17h, no auditório do Centro Administrativo Desembargador José Jesus Ferreira Lopes, prédio anexo à sede do Poder Judiciário. A palestra será ministrada pela presidente da Associação Brasileira de Consteladores Sistêmicos, Adhara Campos Vieira, que idealizou o projeto Constelar e Conciliar no Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF).

O Diretor-Geral da ESA, Paulo Trindade, reforça o convite aos operadores do Direito no Amazonas para contribuírem com a justiça no Estado. “Está toda a comunidade jurídica convidada, juízes, promotores, defensores públicos, advogados, estudantes de direito e prestigiarem esse belíssimo evento feito em parceria entre ESA e Esmam”, ressaltou Trindade.

De acordo com o organizador do evento, advogado Clynio Maurício, a técnica permite retornar à origem do problema, aumentando o nível de consciência. Segundo Maurício, ‘uando aplicada em grupo pessoas representam a linhagem familiar de todas as gerações permitindo acessar onde encontra-se a raiz desse problema. “A Terapia em grupo consiste em utilizar representantes que fazem os papéis de parentes da pessoa que se propôs a colocar sua questão ou problema no Trabalho de Constelação. A pessoa passa a ver a própria vida ou de sua família por meio desses representantes”, explicou o advogado.

INSCRIÇÕES – As inscrições podem ser feitas na Secretaria da Escola Superior de Advocacia do Amazonas (ESA), localizada na rua São Benedito, 99, Adrianópolis, zona Centro-Sul de Manaus. Os interessados em mais informações podem ligar para o telefone (92) 99297-0707. Taxa de inscrição: R$10,00 (estudantes); R$ 20,00 (profissionais).

A palestrante, Adhara Campos Vieira, é autora do livro “A Constelação no Judiciário”, mestranda em Direitos Humanos pela Universidade de Brasília e implantou a técnica da constelação no TJDF. Segundo Clynio Maurício, vários tribunais do País também utilizam a mesma técnica para obter resultados mais promissores na área da conciliação. “Dezesseis tribunais já utilizam a ‘constelação’ devido aos excelentes resultados obtidos no âmbito das conciliações, permitindo, inclusive, que processos que vinham se arrastando por anos, tenham sido pacificados”, acrescentou.

Workshop – Além da palestra na sexta-feira, no dia seguinte, sábado (11), a partir das 18h30, será promovido um workshop, sobre o mesmo assunto, só que o local será a Escola Superior de Advocacia do Amazonas (ESA). As atividades, que também serão ministradas pela presidente da Associação Brasileira de Consteladores Sistêmicos, Adhara Campos Vieira, estão marcadas para iniciar às 9h e vão até 18h30. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (92) 99297-0707.