Corregedoria cria serviço psicossocial para atendimento de servidores denunciados

Servidores da segurança pública do Amazonas alvos de denúncias estão sendo submetidos a um acompanhamento psicossocial. A novidade foi iniciada pela Corregedoria Geral do Sistema de Segurança Pública após a constatação de que, em alguns casos, problemas psicológicos e de ordem pessoal estavam levando os agentes públicos ao mau desempenho e a má prestação do serviço à população.

De acordo com a Corregedora Geral, Iris Trevisan, o acompanhamento psicológico e de assistentes sociais acontece durante o processo de apuração de denúncias. É voltado, especialmente, aos servidores que geram problemas de comportamento. O serviço conta com atendimento de psicólogo e assistente social.

“A gente criou isso para fazer o acompanhamento daquele servidor que identifica que está com problemas de ordem psicológica, psicossomática, que está perturbando o serviço dele. O tratamento é iniciado e fazemos o posterior encaminhamento ao setor psicológico contínuo de cada instituição”, disse Trevisan.

“A atividade policial é muito estressante e, às vezes, algumas atitudes decorrem do estresse que faz parte da vida profissional”, acrescentou a Corregedora.

É a Corregedoria Geral do Sistema de Segurança Pública quem apura infrações administrativas e disciplinares dos servidores do sistema de Segurança Pública. As investigações apuram a conduta de policiais militares, policiais civis, bombeiros militares, peritos e agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

De outubro de 2017 a março deste ano, 470 processos foram instaurados na Corregedoria para apurar denúncias sobre a conduta de agentes da segurança pública. No ano passado, 93 policiais militares foram punidos e 14 excluídos. De policiais civis, foram 45 punidos e cinco demitidos. Dois servidores do Detran foram punidos e um demitido. Do Corpo de Bombeiros, seis foram punidos.

A Corregedoria recebe denúncias através do telefone 3652-0793, pelo Whatsapp (92) 98427-5900, pelo e-mail [email protected], e ainda diretamente na Corregedoria, que funciona na sede da Secretaria de Segurança Pública, localizada no Shopping Via Norte, na Avenida José Henrique Bento Rodrigues, Nova Cidade, zona norte da capital.

FOTO: VALDO LEÃO/SECOM