“Doidão” é preso por envolvimento em tentativa de latrocínio em fábrica de pisos

João Paulo Pedroso Gomes, 26, conhecido como “Doidão”, envolvido em tentativa de latrocínio ocorrida na última quinta-feira, dia 5, em uma fábrica de pisos situada em Iranduba, foi preso em flagrante por policiais civis da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), Iranduba (distante 27 quilômetros em linha reta da capital). Durante a ação criminosa, um funcionário da empresa foi baleado. A captura ocorreu na manhã desta quarta-feira (11), por volta das 10h.

Segundo o delegado-geral adjunto da Polícia Civil do Amazonas, Antonio Chicre Neto, que acumula o cargo de titular da 31ª DIP, as investigações em torno do caso estavam em andamento desde o dia do fato. “Por meio do monitoramento de celulares roubados na empresa nós conseguimos identificar o local onde João Paulo mora e o abordamos no imóvel. Durante revista na residência encontramos um colete balístico e um revólver calibre 38, que foram roubados na noite de ontem, dia 10, em outra empresa situada em Iranduba”, explicou.

Segundo Chicre, ao longo das buscas no imóvel, os policiais civis apreenderam uma espingarda calibre 20 com numeração raspada, utilizada na tentativa de latrocínio. O delegado-geral adjunto, enfatizou que no dia do delito “Doidão” e outros três indivíduos, chamados de “Bule”, “Bacá” e “Júnior”, foram até a empresa e, com uma arma, exigiram que a vítima – um homem de 30 anos – funcionário do local, abrisse o cofre. “Ao notarem que não havia dinheiro guardado, os infratores efetuaram disparos em direção à vítima, atingindo pernas e nádegas”, declarou.

João Paulo foi autuado em flagrante por roubo majorado, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. O infrator foi ainda indiciado por tentativa de latrocínio. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, ele será levado para Audiência de Custódia. A equipe de investigação da 31ª DIP continua em diligência com o intuito de localizar e prender os outros elementos envolvidos na tentativa de latrocínio.