Dono de pizzaria é preso por furto de energia no bairro Lírio do Vale em Manaus

A Delegacia Especializada em Combate ao Furto de Energia, Água, Gás e Serviços de Telecomunicações (DECFS) prendeu em flagrante,na tarde desta sexta-feira (13/7), por volta das 13h, Márcio Vieira de Melo, 32,após os policiais civis identificarem furto de energia em umapizzaria e lanchonete de propriedade do infrator.

Conforme o delegado Thomaz Vasconcelos, titular da unidade policial, as diligências em torno do caso foram iniciadas apósum representante daEletrobras Amazonas Energia, por meio de carta-denúncia, comunicar à equipe da DECFS a suspeita de que um imóvel, situado na rua Vale do Sol, bairro Lírio do Vale, zona oeste da capital, estaria sendo mantido comfornecimento de energia irregular.

“Na última quarta-feira (11/7) estivemos, juntamente com fiscais da Eletrobrase peritos do Instituto de Criminalística (IC), até o local indicado, onde identificamos que o imóvel tinha dois andares, sendo que no térreo é uma casa e no primeiro andar funcionava como pizzaria. Fomos recebidos primeiramente por uma funcionária do estabelecimento, quenos informou que o dono do lugarnão estava no momento”, disse a autoridade policial.

O delegado titular da DECFS explicou que após o início da inspeção no fornecimento de energia do lugar, as equipes constataram algumas irregularidades. Segundo o delegado, após a realização da perícia, foi cortado diretamente do poste o fornecimento de energia por padrão irregular, sendo o responsável notificado para trocar de lugar a caixa do medidor de energia e regularizar as outras pendências existentes no fornecimento de energia.

“Tambémaplicamos o Termo de Ocorrência de Inspeção (TOI) e foi deixada a notificação para a titular da Unidade Consumidora e o proprietário, para queprestassem esclarecimentos na delegacia. Já na tarde desta sexta-feira (13/7), retornamos ao lugar e verificamos que o fornecimento de energia havia sido religado diretamente à rede daEletrobras. Diante dos fatos, efetuamos a prisão em flagrante de Márcio”, esclareceu Vasconcelos.

Fiança – Márcio foi autuado em flagrante por furto de energia. A autoridade policial arbitrou ao infrator fiança no valor de R$ 2mil. O pagamento foi efetuado e ao término dos procedimentos cabíveis na especializada, o homem foi liberado para responder pelo crime em liberdade.

FOTO: Divulgação / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.