Dupla é presa e adolescente apreendido por envolvimento com o tráfico drogas na zona Norte

A equipe de investigação do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP) prendeu no início da tarde de quinta-feira, dia 18, por volta de meio-dia, Beto Viana Farias, 38, e Dymas Moraes da Silva, 18, e apreendeu o filho de Beto, um adolescente 16, envolvidos com o tráfico de drogas na cidade. O fato ocorreu na Rua Angelim Doce, Comunidade Mundo Novo, bairro Cidade Nova, zona Norte da capital.

De acordo com o delegado titular da unidade policial, Jeff David Mac Donald, a equipe de investigação chegou até os infratores após receber duas delações, feitas ao número 181, o disque-denúncia da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), informando que Beto e Dymas estariam comandando o tráfico de drogas na Comunidade Mundo Novo.

“Montamos campana nas proximidades do local indicado e logo depois nos deslocamos para a casa de Dymas. Quando chegamos na residência dele constatamos que o infrator não estava no imóvel, mas a proprietária da casa permitiu a nossa entrada. Durante revista no local encontramos uma balança de precisão”, explicou Mac Donald.

Segundo o delegado, em ato contínuo a equipe seguiu para a residência de Beto, naquela mesma via, onde encontrou o trio. Com os infratores os policiais civis apreenderam uma porção média de maconha, uma balança de precisão, um aparelho celular e R$ 353 em espécie, dinheiro oriundo da venda de entorpecentes, arrecadado na noite anterior.

Jeff ressaltou, ainda, que na unidade policial, durante consulta ao site do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJ-AM), foi constatado que Beto já responde a processo na Justiça por tráfico de drogas. Beto e Dymas foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores.

Após os procedimentos cabíveis na unidade policial, a dupla será levada para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona Sul da cidade.

Já o adolescente irá responder por ato infracional análogo aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Ao término dos trâmites legais no 6º DIP, o menor infrator foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), sendo liberado após os trâmites legais junto ao Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM).

loading ...