Estudo do Itaú aponta Brasil como campeão na Copa do Mundo

Gabriel Jesus comemora gol pela seleção

Prognóstico é de que o Brasil se classifique em 1º na fase de grupos e depois passe por Suécia, Bélgica, França e Alemanha, na sequência até o hexa

A área de Macroeconomia do Itaú Unibanco divulgou na tarde desta quarta-feira, dia 13, um o resultado de estudo avaliando as 32 seleções da Copa do Mundo. O relatório que levou em consideração fatores como qualidade da equipe no momento, tradição e o apoio recebido pela torcida, concluiu de que o Brasil será campeão em uma final contra a Alemanha. O banco também vê um caminho difícil até o hexacampeonato: oitavas de final contra a Suécia, quartas contra a Bélgica e semifinal contra a França.

Itaú e o futebol

A valorização do esporte faz parte do DNA do Itaú Unibanco. A empresa entende que, junto com educação, cultura e mobilidade urbana, pode contribuir para a construção perene da cidadania, em uma sociedade em plena transformação. O envolvimento com o futebol, grande paixão dos brasileiros, começou há mais de 20 anos, com o patrocínio da transmissão dos jogos, por meio de emissoras de TV, do Campeonato Brasileiro, Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA™, amistosos da Seleção Brasileira, Copa do Brasil, entre outras.

Em outubro de 2008, essa atuação ganhou reforço quando o Itaú passou a ser o patrocinador oficial da Seleção Brasileira de Futebol, feminina e masculina, em todas as suas categorias: Principal, Olímpica, Sub-23, Sub-20, Sub-17 e Sub-15. Em abril de 2009, o banco tornou-se a primeira empresa brasileira a assinar o contrato de patrocínio da Copa do Mundo FIFA™ 2014. E, pela primeira vez, em 2017, patrocinou o Go Cup, maior torneio de futebol infantil da América Latina, realizado em abril, e que reuniu mais de três mil atletas de 6 a 12 anos de escolas privadas e públicas de 13 países do continente. Com a participação de 17 Estados do País, o campeonato teve o objetivo de promover, por meio do esporte, a troca cultural e a mensagem de igualdade entre as crianças.