Exército faz acordo para cota racial em concursos

As Forças Armadas – Marinha, Exército e Força Aérea – firmaram acordo com o Ministério Público Federal que determina a reserva de vagas para candidatos negros em concursos para cargos das Forças Armadas.

O acordo resulta de ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público Federal. Em abril, o Supremo Tribunal Federal, por unanimidade, reforçou o entendimento de que as vagas oferecidas nos concursos promovidos pelas Forças Armadas se sujeitem à política de cotas.

Em nota, a Procuradoria da República no Distrito Federal informou que o Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) adotará o sistema de cotas pela 1ª vez já no processo seletivo para 2019 – serão separadas 22 das 110 vagas. As inscrições começarão em 1º de agosto e vão até 15 de setembro. Os concursos do Colégio Naval, do Instituto Militar de Engenharia e da Academia de Força Aérea também adotarão o sistema.