Falta de vacina contra meningite C: Ministério da Saúde fala em situação “crítica”

reprodução

Informativo do Ministério da Saúde enviado aos estados aponta que o país apresenta situação “crítica” de abastecimento da vacina meningocócica, recomendada a bebês para proteção contra meningite C. A revelação é do jornal “Folha de São Paulo”. De acordo com o jornal, “o problema existe desde abril, quando foram distribuídas doses equivalentes a apenas 58% da cota mensal de cada estado, e piorou nos meses seguintes – chegando a atingir 10% da cota em maio, 15% em junho e 36% neste mês”.

Diante do envio reduzido, secretarias estaduais e municipais de saúde em ao menos 6 estados consultados (Espírito Santo, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins) admitem que o cenário já gera falta da vacina em alguns postos de saúde. Pernambuco e Rio de Janeiro também afirmam ter baixos estoques, mas não responderam se houve falta nos postos até agora.