Família diz que corpo encotrado na Ilha de Marapatá em Manaus é de aviador

A informação foi repassada pelos Bombeiros. De acordo com a corporação, familiares reconheceram Gabriel Ferreira

Na tarde desta quinta-feira (05), o corpo de Gabriel Ferreira foi encontrado , por volta das 15h, nas proximidades da Ilha do Marapatá, em Manaus. Ele era tenente-aviador e tinha 25 anos. Gabriel estava desaparecido desde a madrugada da última segunda-feira (2). De acordo com o Corpo de Bombeiros, em princípio, os familiares do piloto da Força Aérea Brasileira não reconheceram o corpo, por conta do avançado estado de decomposição. Porém, após observarem as fotos do dia em que ele (Gabriel) desapareceu, viram que as roupas que estavam no corpo coincidem com as que a vítima usava no dia do desaparecimento.

O corpo de Gabriel Ferreira chegou ao Instituto Médico Legal (IML) por volta das 19h. No local vai ser determinada a causa da morte.

Entenda o caso

O tenente-aviador Gabriel Ferreira, de 25 anos, desapareceu no dia 02 de julho de 2018. Naquela data, por volta das 3h, ele e amigos da FAB retornavam de uma viagem e foram para as respectivas casas na capital amazonense.

O carro do aviador foi encontrado, por volta de 6h da segunda-feira, com objetos pessoais, como aparelho celular, carteira e dinheiro. A chave do automóvel estava na ignição. Desde então, os amigos e familiares de Gabriel não tiveram mais notícias sobre ele.