Funcionário do Inpa é morto durante assalto após pedir para não ter o celular roubado

Um colaborador do Instituto de Proteção da Amazônia (Inpa) foi morto com dois dois tiros no peito por dois assaltantes em um ponto de ônibus, localizado na Avenida André Araújo, Zona Centro-Sul de Manaus. O caso acontecru no início da noite desta terça-feira (31).

Os dois homens armados chegaram na parada de ônibus localizada ao lado do Inoa e anunciaram o assalto. O varupa desceu da moto e apontou a arma para as pessoas que estavam na parada. O estagiário levantou as mãos e ainda chegou a pedir para não ter o telefone roubado.

Testemunhas disseram que ele foi atingido no peito e teve o celular levado pelopelos criminosos, que fugiram e ainda não foram localizados.

O jovem ainda chegou a ser levado para o Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, mas morreu logo depois. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) e será sepultado nesta quarta.

Compartilhe