Governador José Melo lança o Programa para Formação de Desenvolvedores de Software no Interior do Amazonas

Direcionado a estudantes de Itacoatiara e de Manacapuru, programa inovador na rede pública de educação do Amazonas será coordenado pela Seduc em parceria com a Fucapi
Para oferecer maiores oportunidades de formação aos estudantes da rede pública estadual de educação e levando para o interior do Estado novas propostas educativas, o Governo do Amazonas lançou na manhã desta segunda-feira (1º) no município de Itacoatiara (distante 270 Km de Manaus) o “Programa para a Formação de Desenvolvedores de Software no Interior do Amazonas”. Pioneiro no Estado, o programa foi lançado pelo governador do Estado, José Melo, em cerimônia realizada na escola estadual Deputado João Valério.

Com uma proposta inovadora, o programa será coordenado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) em parceria com a Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi).

A iniciativa trata-se de um amplo programa de formação no segmento de tecnologia de software e destina-se a estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e também a alunos do Ensino Médio e de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Um total de 800 vagas – sendo 400 para alunos de Itacoatiara e 400 para Manacapuru – serão oferecidas para o curso que será desenvolvido de forma gratuita a partir de abril de 2015.

Durante o lançamento do programa, o governador José Melo destacou que a proposta desta ação é oferecer aos estudantes, novas oportunidades, asseguradas por meio da aquisição do conhecimento. “Esta é uma proposta inovadora por meio da qual, inicialmente, 800 jovens terão acesso a um programa de formação diferenciado, focado no aprendizado de novas tecnologias”, citou o governador, destacando também a parceria com a Fucapi.

Para o secretário de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva, a iniciativa é um marco para o Estado. “Os jovens receberão uma carga de incentivos que possibilitará a aquisição de conhecimentos na área de desenvolvimento de Software e, consequentemente, o preparo para atuação em novas frentes de atividade profissional. É um novo horizonte que o Governo do Estado oportunizará aos estudantes e que contribuirá de maneira significativa para o desenvolvimento de seus respectivos municípios”, disse.

Oportunidades – Para a estudante Cristiana Cabral, 16, aluna da escola estadual Vital de Mendonça, localizada no município de Itacoatiara, esta será uma oportunidade única. “Fiquei muito feliz ao saber deste programa de formação e mais ainda por saber que com ele poderemos nos tornar profissionais no segmento de Software sem necessitar ir à capital para poder frequentar o curso. Esta é realmente uma oportunidade única”, disse a jovem.

Pré-requisitos e etapas de seleção

Todos os pré-requisitos para a participação no projeto e concessão das vagas poderão ser conferidos no edital de seleção que está disponível no site da Seduc na internet: www.educacao.am.gov.br ou no site da Fucapi: www.fucapi.br/inscricoes. As inscrições, segundo a Seduc, estarão abertas do dia 1º de dezembro de 2014 ao dia 13 de fevereiro de 2015.
Conforme edital é pré-requisito para a participação que o aluno interessado possua conhecimentos básicos de informática e resida nos municípios de aplicação do projeto: Manacapuru ou Itacoatiara (seja em zona rural ou urbana).

Ainda segundo o edital, o exame que selecionará os 800 participantes do programa será realizado em duas etapas: A primeira consistirá em uma avaliação de 30 questões objetivas, que será aplicada no dia 1º de março de 2015, abrangendo Língua Portuguesa (10 questões), Matemática (10 questões) e Informática (10 questões). Os pré-selecionados passarão, na segunda e última etapa de seleção, por uma avaliação prática de Informática, agendada para a segunda quinzena de março do mesmo ano e que apontará os 800 classificados para participação no programa.

O resultado final com a relação dos 800 selecionados será divulgado em 25 de março de 2015 e as formações do programa iniciam no dia 13 de abril.