Governo lança Planos de Recursos Hídricos e Resíduos Sólidos no Dia Mundial do Meio Ambiente

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), realiza, na próxima terça-feira (05/06), no auditório do Centro de Convenções Vasco Vasques, no bairro Flores, zona centro-sul, a abertura da Semana Estadual do Meio Ambiente, com o lançamento do Plano Estadual de Recursos Hídricos e do Decreto de Regulamentação da Política Estadual de Resíduos Sólidos.

O encontro faz parte da programação do Dia Mundial do Meio Ambiente e será dividido em duas etapas. A primeira com a abertura no Centro Vasco Vasques e no período de 6 a 8 de junho, debates com diversos temas, como mineração, áreas produtivas de baixo carbono e concessão florestal acontecem no auditório Auton Furtado da Federação das Indústrias do Amazonas (Fieam), Centro de Manaus.

De acordo com o secretário da Sema e presidente do Ipaam, Marcelo Dutra, o Amazonas detém a maior bacia hidrográfica de água doce do mundo, e é reconhecido internacionalmente como o maior provedor de serviços ambientais do planeta e não tem, até hoje uma política clara de domínio dos recursos hídricos e, tampouco, estabeleceu diretrizes para o tratamento correto dos resíduos sólidos.

Segurança hídrica – Dutra lembrou que a segurança hídrica é uma preocupação mundial e o tema foi discutido por representantes de mais de 164 nações durante o Fórum Mundial da Água, realizado em março, em Brasília. “E vamos aproveitar a Semana do Meio Ambiente para mostrar a preocupação do Amazonas em relação aos nossos recursos hídricos e discutir temas como mineração, concessão florestal, economia de baixo carbono e pagamento por serviços ambientais”, disse.

Ele disse, também, que neste ano, a Sema e o Ipaam decidiram realizar a Semana do Meio Ambiente com uma programação voltada à troca de conhecimento e visando a redução de gastos, evitando eventos múltiplos institucionais e investindo em parcerias com outras instituições.

As políticas de Recursos Hídricos e de Resíduos Sólidos fazem parte do Plano Estadual de Prevenção e Controle do Desmatamento no Amazonas (PPCDAM), que conta com o apoio do Ministério do Meio Ambiente e parcerias internacionais, como a cooperação alemã KfW e a GIZ.

Durante o encontro, também serão discutidos o Cadastro Ambiental Rural (CAR), que encerrou nesta última quarta-feira (30/05). No Amazonas, foram inscritos 40 mil imóveis rurais em 100 milhões de hectares, gerando benefício direto do uso de áreas produtivas para 54.652 famílias amazonenses.

Formatura ─ No encontro, será realizada a cerimônia de formatura de 600 crianças do Programa de Educação Ambiental Vitória-Régia – “Protetores Ambientais Mirins” e o lançamento do exemplar especial da revista “Os Guardiões da Amazônia”, em comemoração aos 10 anos de fundação do Comando de Policiamento Ambiental. Também haverá a apresentação da cartilha e do cartaz dos Agentes Ambientais Voluntários (AAV), além do folder sobre a outorga de direito de uso da água.

ARTE: ASSCOM/IPAAM