He-Man, do Manaus FC, faz cirurgia no joelho em hospital da capital

O zagueiro Clayton He-Man, do Manaus FC, fez cirurgia para reconstrução dos ligamentos do joelho esquerdo na última segunda-feira, 11 de junho, no Hospital Samel, na região central da capital amazonense. Ele, que foi operado pelos ortopedistas Luis Hidalgo e Marcos Leão, já está de volta à casa do clube. O jogador conta com total apoio da diretoria do Gavião do Norte para se recuperar e voltar aos campos de futebol.

“Graças a Deus deu tudo certo, graças a Deus ocorreu tudo bem, a cirurgia foi um sucesso. Fiquei muito feliz pela cirurgia, hoje (terça-feira) de manhã o doutor me deu alta e já estou na casa. Muito feliz pelo que ele (o médico) me falou, foi tudo bem, ele mesmo gostou da cirurgia, ele falou foi uma cirurgia 100%, que ele adorou ter me operado, foi uma cirurgia com sucesso. Ouvir isso do médico deixa a gente feliz, agora é ter paciência, tratar, fazer tudo certinho, com fisioterapia, fortalecimento, voltar no tempo certo para não romper de novo”, disse o zagueiro.

Em entrevista ao site do Manaus FC, He-Man explicou que o protocolo da recuperação gira em torno de seis a nove meses. Nesse período, o atleta espera ver o Gavião do Norte alcançar o objetivo de subir para o Campeonato Brasileiro da Série C de 2019.

“Já estou muito ansioso para começar logo o tratamento porque sou um tipo de cara que não gosta de ficar parado, gosto de estar treinando, gosto de estar jogando, gosto de estar ajudando meus companheiros, pois não é legal ficar só olhando os caras jogar, ver meus companheiros lutando e não poder ajudar. Mas como não posso ajudar estou na torcida com o pensamento positivo, muita fé e que este ano a gente possa dar esse presente para a torcida do Manaus FC e para a toda a torcida amazonense”, afirmou o zagueiro.

Agradecimentos à diretoria

O atleta enalteceu o suporte da diretoria, citando o empenho do presidente Giovanni Silva, do presidente de honra Luis Mitoso e do médico Lucas Navarro Mitoso em solucionar drama. He-Man também destacou a parceria do Manaus FC com o Hospital Same, que para ele é sinônimo de valorização da saúde dos jogadores.

“Quero agradecer todo o apoio, a moral e preocupação da diretoria – Giovanni, Mitoso, Lucas. A gente sabe que é uma cirurgia muito cara, mas graças a Deus a diretoria do Manaus FC cumpriu com suas obrigações e fico muito feliz pelo clube ter uma boa estrutura para os jogadores e grandes parceiros como a Samel. Isso me deixa mais forte”, exaltou He-Man.

Com He-Man no “estaleiro”, o clube conta com apenas quatro zagueiros para o restante da temporada: Deurick, Paulão, Derlan e Maceió. O Manaus FC está nas oitavas de final da Série D e enfrenta o Rio Branco neste sábado, 16, a partir das 18h (de Brasília), na Arena da Floresta. O jogo da volta acontece dia 23, no estádio da Colina.