Henrique Meirelles classifica candidatura de Lula como factoide

Candidato à presidência da República pelo MDB, Henrique Meirelles se pronunciou nesta sexta-feira (31), na sede do partido, em Brasília, sobre a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julga se o petista, condenado a 12 anos e um mês de prisão, poderá concorrer nas eleições de outubro.

Meirelles classificou a candidatura de Lula como um “factoide”, ou seja, fato ou notícia criada com o objetivo de atrair a atenção da opinião pública. Para o presidenciável, essa incerteza política prejudica o debate entre os candidatos e confunde o eleitor.

“Eu defendo a despolitização da justiça e o direito de defesa de todos os brasileiros. Mas quanto mais cedo decidir melhor. Porque esclarece. Não é candidato? Então, vamos debater quais são os candidatos efetivamente. E aí é melhor para a população porque tira essa confusão de alguém que é candidato, mas não é candidato. O candidato à presidente que aparece como candidato a vice, ou o vice que não é candidato a vice e, sim, a presidente. Ou a candidata que não é candidata a nada, mas é candidata à vice-presidente’. Nós vamos acabar com isso e mostrar a realidade, quais são de verdade os candidatos. E aí vamos comparar.”

Meirelles citou ainda que o início da propaganda eleitoral em rádio e TV, que vai até 4 de outubro, poderá favorecê-lo. Segundo o ex-ministro, com isso, ele será reconhecido pelo eleitorado e seu programa eleitoral “vai mostrar que é o candidato mais democrático para o eleitor”.

Reportagem, Juliana Gonçalves