Jogos despertam o interesse pela matemática em alunos da rede municipal

Uma competição que reuniu alunos da rede municipal de educação está estimulando o ensino de matemática nas escolas. O Circuito Educacional de Jogos Matemáticos, que é realizado anualmente e promovido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), trouxe cinco modalidades para a disputa entre os estudantes: dominó, quarto, damas, rummikub e xadrez. A final do circuito ocorreu nessa quarta-feira, 26, na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), zona Centro-Sul.

O circuito começou nas escolas em setembro. Os vencedores da primeira fase voltaram a competir, em outubro, para a escolha dos primeiros colocados entre as sete Divisões Distritais Zonais (DDZs). As divisões são a forma administrativa de como as instituições de ensino da rede estão organizadas no município. Nesta quarta-feira, a disputa reuniu os cem estudantes das escolas municipais que passaram pela segunda fase. “O meu interesse pela matemática melhorou. Essa disciplina é muito importante e esses jogos fazem a gente desenvolver a estratégia e o raciocínio”, disse Marcos Vinicius Frota, 15, aluno do 9º ano da Escola Municipal Armando Mendes. No circuito, Marcos disputou o jogo da dama.

O coordenador do circuito e assessor de matemática da Semed, Newton Sérgio Lima, comentou que, em todo Brasil, os professores têm dificuldades de repassar os conteúdos da disciplina para os alunos e o circuito contribui para fazer com que os alunos deixem de pensar em matemática como um ‘bicho papão’. “O professor passa a ser um educador matemático. Um profissional que entende de metodologias e que vai conseguir suprir no estudante a necessidade de aprender de forma diferenciada”.

Modalidades

Das cinco modalidades, duas são pouco conhecidas: rummikub e quarto. Newton explicou que o rummikub é uma espécie de baralho com dominó que envolve somatória. “É um jogo que você tem cartas e precisa montar sequências numéricas. Ganha quem tiver mais velocidade na competição dessas sequências numéricas”, explicou.

O quarto simula o jogo da velha e também o xadrez, porque tem peças com características próprias com movimento de xadrez. “Envolve muita percepção de figuras geométricas”, declarou.

Campeões

Cada modalidade foi disputada em cinco categorias. Os primeiros lugares de cada categoria são:

Dominó (DM)

DM 1- E. M. Francisco Soares: Vinícius Brito

DM 2 – E. M. Manoel Adriano: Suanny Pereira

DM 3 – E. M. Ana Mota Braga: Engel Sotelo

DM 4 – E. M. Elvira Borges: Douglas Azevedo

DM5 – E. M. Nestor S. do Nascimento: Valder Ângelo de Gois

 

Quarto (Q)

Q1 – E. M. Jorge Augusto Nogiera – João Victor Silva

Q2 – E. M. José Augusto Roque – Ingrid Melo

Q3 – E. M. Professora Ana Maria Souza – Felipe Soares

Q4 – E. M. Nossa Senhora de Soares – Maria Gabriele

Q5 – E. M. Nestor S. do Nascimento: Ismael dos Santos

 

Damas (D)

D1 – E. M. Zilda Arns – Gabriel Soares

D2 – E. M. Governado Eduardo Ribeiro – Saymon Amud

D3 – E. M. Álvaro Cesar – Carlos Emanuel

D4 – E. M. Esmeraldo Santos – Ronaldo Almeida

D5 – E. M. Presidente João Goulart – Thiago Ribeiro

 

Rummikub (R)

R  1 – E. M. Maria Madalena – Valdenilson Laborda

R 2 – E. M. Dom Milton – João Victor Oliveira

R 3 – E. M. N. Senhora das Graças – Natanael Lima

R 4 – E. M. N. Senhora das Graças – João Victor de Souza

R 5 – E. M. Maria Rufina – Suelen Santos

 

Xadrez (X)

X1 – E. M. Martinha Correa dos Santos – Lucas Eduardo

X2 – E. M. Jarlece da Conceição Zaranza – Samuel David

X3 – E. M. Jarlece da Conceição Zaranza – Rogério Campos

X4 – E. M. Jarlece da Conceição Zaranza – Fabricio Costa

X4 – E. M. José Garcia Rodrigues – Jhones de Azevedo

 

Texto: Cleidimar Pedroso

Fotos: Lton Santos e Cleidimar Pedroso