Justiça determina que 70% dos ônibus rodem em Manaus nesta sexta durante paralisação

O Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região – Amazonas e Roraima (TRT11) determinou que, caso o Sindicato dos Rodoviários deseje exercer o seu direito de greve anunciada para acontecer nesta sexta-feira (20), deverá manter em atividade, no mínimo, 70% da frota de transportes coletivos em circulação.

O descumprimento da medida acarretrá no pagamento de multa no valor de R$ 50 mil por hora de paralisação. A decisão é assinada pela presidente do Tribunal, desembargadora Eleonora de Souza Saunier

A decisão defere parcialmente liminar requerida pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram).

Compartilhe