Maués – Fábrica de Ideias oferece curso de violão gratuito

A Prefeitura de Maués, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, oferecerá aulas de violão gratuitas para crianças e jovens no Complexo de Arte e Cultura Fábrica de Ideias. No total, serão três turmas, com 20 alunos cada, distribuídas em três horários duas vezes por semana. As aulas começam no dia 07 de agosto.

“O nosso objetivo não é formar músicos, mas oferecer uma atividade interessante para os jovens e desenvolver a criatividade e a sensibilidade das pessoas, pois a música também é uma atividade educativa”, afirma o prefeito de Maués, Júnior Leite.

As inscrições estão abertas e vão até 03 de agosto. Podem se inscrever crianças, jovens e adultos a partir dos 8 anos de idade. As aulas acontecerão às terças de quintas-feiras de 9h às 10h30, de 15h às 16h30 e de 19h às 20h30. Os horários diurnos são destinados a crianças e jovens com até 18 anos e o noturno, para adultos a partir de 18 anos.

“Os alunos começarão com aulas básicas sobre violão, tipo conhecer o instrumento, aprender a limpar e cuidar. Depois postura, como tocar e utilizar e, em seguida, vão aprender notas musicais e técnicas avançadas”, revela a secretária de cultura e turismo, Ellen Mendonça.

Inscrições

As inscrições serão realizadas na Sala de Cursos da Fábrica de Ideias, localizada na rua Boa Vista, s/n, no bairro Ramalho Júnior. Os menores de idade devem se dirigir ao local acompanhados de um dos pais ou responsável com RG ou certidão de nascimento, comprovante de residência e de matrícula, para atestar que está regularmente matriculado na escola. Os maiores de idade podem apresentar apenas RG e comprovante de residência.

Música e desenvolvimento

Diversos estudos apontam que o aprendizado da música contribui para o desenvolvimento cognitivo de crianças. Um deles, do pesquisador e especialista em musicalização, Hugo Cogo Moreira, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), também mostra que a música ajuda do aprendizado de disciplinas como Língua Portuguesa e a Matemática. A pesquisa de Hugo apontou que a música ajuda na concentração, no foco, na memorização e no raciocínio.

“É cientificamente comprovado que a percepção musical contribui positivamente para o desenvolvimento das crianças. Além disso, acreditamos que vai melhorar a qualidade de vida dos jovens e todos que tiverem interesse em aprender violão”, afirma a secretaria Ellen Mendonça.