Ministério da Saúde lança campanha de doação de leite materno

O leite materno é o melhor alimento para os bebês, favorecendo o crescimento e desenvolvimento adequado. Em alguns casos, a criança nasce prematura e a mãe não consegue amamentar. Mas mesmo a criança internada precisa desse leite para se recuperar. Esta é a maior importância da doação de leite materno: ajudar a dar a vida para outras crianças. Assim aconteceu com Gisele Bortolini, que teve complicações na gestação e a filha Helena precisou nascer prematura. Durante a internação, Gisele não teve leite suficiente para amamentar. “É muito difícil ser mãe de um bebê que fica na UTI, é uma luta diária pela vida e você aprende a viver o presente, o dia de hoje. E depois de um tempo eu não consegui ordenhar tudo que ela precisava, eu continuei ordenhando e o que eu não conseguia ordenhar eu tive apoio do banco de leite. Então as mães que doaram leite ajudaram a recuperar a Helena em uma fase tão crucial da vida dela”.
A pequena Helena teve ajuda de pessoas como a professora Suzi Machado, que começou a doar leite humano quando a filha dela, a Laura, nasceu há dois meses. “Tem muitas crianças que precisam. E como eu a tive na casa de parto, que é mais natural, e que tem algumas mães que acabam parindo lá e não conseguem amamentar, então acaba que a gente que tem muito tem que doar para quem não tem”.

Miriam Santos é membro da Comissão Nacional do Banco de Leite Humano, e explica a importância das mães doarem qualquer quantidade de leite. “Primeiro a gente precisa conscientizar que o leite que ela [a mãe] tira não vai faltar para o seu bebê. Segundo, que qualquer quantidade é suficiente, um pote pode alimentar até dez crianças”.

Nesta terça-feira (16), o Ministério da Saúde lançou a Campanha Doe Leite Materno. O objetivo é aumentar o número de novas doadoras voluntárias, bem como o volume de leite humano coletado e distribuído aos recém-nascidos prematuros e de baixo peso, internados por todo o Brasil. No final do evento, o ministro Ricardo Barros convocou todas as mães a participarem desse ato de solidariedade. “A redução da mortalidade infantil está diretamente relacionada com doação de leite materno. Então ficam aqui todas as mães convocadas a ajudar o Brasil e as crianças do Brasil nesta ação, que é uma ação de amor e de carinho àquelas que precisam”.

Para mais informações sobre a doação de leite materno, acesse: www.saude.gov.br.

Reportagem, Janary Damacena

loading ...