MPC entra com representação para cancelamento do concurso da Seduc

Uma representação contra o concurso público da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) foi ingresada pela Coordenadoria de Pessoal do Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM) no Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM).

O órgão pede a suspensão do concurso público realizado no último domingo (8) e foi alvo de reclamações e diversas irregularidades. Entre os pontos fortes reclamados pelos candidatos está o atraso na chegada aos locais de prova.

Segundo a coordenadoria houve ainda troca de prova entre municípios, transporte irregular de malotes, bem como malotes com lacres violados. O TCE vai investigar a contratação direta da empresa Instituto Acesso de Ensino, Pesquisa, Avaliação, Seleção e Emprego, responsável pelo certame.

Compartilhe