Mulher é executada no mesmo local que o marido foi morto há dois meses

Uma mulher identificada como Adriely Lima, a “Dry”, de 27 anos, foi assassinada a tiros, na noite desta terça-feira (14). Ela foi morta no mesmo local que o marido foi executado há dois meses. O fato ocorreu por volta das 22h30, na rua 70, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus.

Segundo testemunhas, a mulher conversava com uma amiga, uma adolescente de 14 anos, quando o assassino, conhecido como “Loirinho”, se aproximou e atirou contra a mulher. Depois do crime, ele fugiu por uma área de mata no final da rua sem saída. Ela foi atingida por quatro tiros.

Adriane deixou três filhos

De acordo com a polícia, a mulher assumiu a boca de fumo após o marido ser executado em maio. Ela estava no local para vender drogas e pode ter sido morta pelo mesmo motivo do marido, disputa por pontos de drogas. “Dry” deixou três filhos.

O corpo dela foi removido ao Instituto médico legal e a Polícia Civil investiga o caso.

Compartilhe