Parintins vai receber posto do Sine para combater desemprego

O anúncio foi feito pelo secretário estadual do Trabalho, William Abreu, e pelo ministro do Trabalho, Helton Yomura, durante a entrega de Carteiras de Artesãos

O município de Parintins vai receber, até o fim do ano, um posto do Sistema Nacional de Empregos (Sine) para atender os trabalhadores de Parintins, Nhamundá e Barreirinha.

O anúncio foi feito neste sábado (30/06) pelo secretário estadual do Trabalho, Willian Abreu, e pelo ministro do Trabalho, Helton Yomura, durante visita ao município de Parintins.

O secretário do Trabalho lembra que o município possuía um posto do Sine, porém a unidade foi fechada há dois anos. “ O posto foi fechado e comprometeu o atendimento aos trabalhadores do Baixo Amazonas”, afirmou Willian Abreu. “Agora, aproveitamos a visita do ministro do Trabalho a Parintins para negociar a reabertura do Sine”, acrescentou.

Prédio do PAC – Segundo o prefeito de Parintins, Bi Garcia, o novo posto do Sine irá funcionar no prédio do Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) de Parintins. “É um local preparado para receber um grande número trabalhadores de Parintins e também de outros municípios”, ressaltou Bi Garcia.

O ministro do Trabalho acrescentou que o governo federal busca levar dignidade a todos trabalhadores, principalmente em localidades fora das capitais. ”Muitas cidades, como Parintins, estão na lista para receber ações do Ministério do Trabalho nos próximos meses”, anunciou Helton Yomura.

Carteira de Artesão – Além do anúncio da abertura do Sine em Parintins, o secretário e ministro do Trabalho realizaram neste sábado a entrega de Carteiras de Artesão para 60 artistas de Parintins, Barreirinha, Barreirinha e São Gabriel da Cachoeira.

Os artistas estão participando do Festival Folclórico de Parintins, mediante a realização do Shopping do Artesanato. Mais de três mil produtos com temática amazônica estão em exposição e à venda no Shopping do Artesanato, que funciona até domingo (1 de julho), na praça da Catedral, no Centro de de Parintins.

FOTO: AGUILAR ABECASSIS/SECOM