PC doa a instituições assistenciais caixas de sabão em pó apreendidas em operação

Manaus – A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe da Delegacia Especializada em Crimes contra o Consumidor (Decon), sob o comando do delegado Eduardo Paixão, titular da unidade policial, realizou na manhã de terça-feira (10), a doação de cerca de 1.124 caixas de sabão em pó apreendido durante a operação “Trapaça do Sabão”, deflagrada pela especializada na última quinta-feira (5).

As caixas de sabão em pó foram entregues a representantes de instituições assistenciais na capital, para que sejam destinadas ao público assistido pelas entidades.

De acordo com Eduardo Paixão, foram contemplados pela iniciativa o Grupo de Apoio à Criança com Câncer do Amazonas (GAAC-AM), a Fundação de Apoio ao Idoso Doutor Thomas (FDT), o Abrigo Moacyr Alves e a Diocese do Alto Solimões.

“A solidariedade motiva as investigações, injeta ânimo na equipe da especializada, desta forma tantos produtos apreendidos não são descartados e se tornam objetos de doação. A partir das 8h desta terça-feira (10/7) até as 11h, recebemos os representantes dessas entidades”, explicou Paixão.

As caixas de sabão foram apreendidas no Centro de Manaus durante operação

Operação

Conforme o titular da Decon, a operação “Trapaça do Sabão” foi deflagrada em uma casa situada na travessa Mundurucus, bairro Centro, zona sul da capital. Os policiais civis apreenderam no imóvel caixas de sabão em pó adulteradas.

Um homem de 39 anos, retirava sabão em pó de marca inferior, acondicionava na caixa de uma marca reconhecida no mercado e vendia a comerciantes do centro da cidade.

Eduardo Paixão ressaltou que quem tiver informações sobre irregularidades que possam ferir relações de consumo, deve entrar em contato com servidores da Decon por meio dos números: (92) 99962-2731 e 3214-2264. O prédio da Decon está situado na avenida Lourenço da Silva Braga, conhecida como Manaus Moderna, nº 504, bairro Centro.

Compartilhe