Pesquisa conclui que sedentarismo mata duas vezes mais que obesidade

O sedentarismo é mais perigoso para a saúde do que a obesidade. Pesquisa feita na Europa concluiu que a falta de exercícios físicos aparece relacionada a duas vezes mais mortes do que a obesidade. A conclusão foi tirada a partir da observação de 334.161 homens e mulheres europeus durante 12 anos. Ao longo desse período, eles tiveram altura, peso e circunferência abdominal medidos. Os pesquisadores também coletaram relatos sobre as atividades físicas praticadas pelos voluntários. Eles acreditam que, de 9,2 milhões de mortes anuais, 337 mil sejam atribuídas à obesidade. Já as mortes relacionadas à inatividade física somam 676 mil, mais do que o dobro. Os cientistas dizem que uma caminhada de 20 minutos todos os dias já diminui o risco de morte prematura entre 16 e 30%.