Polícia Civil recaptura foragido do Compaj durante a operação “Édafos” na zona norte de Manaus

A equipe de investigação do 26° Distrito Integrado de Polícia (DIP) deflagrou na manhã desta quarta-feira (30/05), a operação “Édafos” para cumprir mandados de busca e apreensão em um conjunto habitacional no bairro Santa Etelvina, zona norte de Manaus. A ação policial resultou na recaptura de Lucas Rodrigues Belém, 22, foragido desde 2015 do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), onde cumpria pena, em regime semiaberto, por roubo.

Durante os trabalhos foram cumpridos, ainda, dez mandados de busca e apreensão, que resultaram nas detenções de três pessoas, sendo um homem de 30 anos, uma mulher de 34 anos e um adolescente de 16 anos, ouvidos no 26° DIP e em seguida liberados.

“Ao longo dos trabalhos nós conseguimos apreender R$ 1,2 mil em espécie, cadernos contendo anotações relacionadas ao tráfico de drogas e números de telefone de clientes e fornecedores de substâncias ilícitas, aparelhos celulares e material para mistura e preparo de entorpecentes. Instauramos dois Inquéritos Policiais (IPs), para apurar condutas de comercialização de drogas naquela região”, explicou o delegado Paulo Benelli, titular da unidade policial.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos no dia 19 de março deste ano, pela juíza Rosália Guimarães Sarmento, da 2ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecentes (Vecute). Ao término dos procedimentos cabíveis no 26° DIP, Lucas será reconduzido ao Compaj, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Operação – Do grego Édafos, que significa território, Paulo Benelli ressaltou que a operação recebeu esse nome com o objetivo mostrar à população do conjunto habitacional que o Estado se faz presente. “Garantindo, assim, a integridade física e a segurança das pessoas que moram no lugar”, argumentou o delegado.

Efetivo – Participaram da operação policiais civis lotados no Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECP), Delegacia Especializada em Crimes contra o Turista (DECCT), Delegacia Especializada em Crimes contra a Fazenda Pública Estadual (DECCFPE), 8°, 17°, 18°, 19° e 20° DIPs.

Servidores da Secretaria-Executiva-Adjunta de Operações Integradas (Seaop), vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM,) deram apoio à ação.

FOTO: ERLON RODRIGUES/PC-AM