Polícia elucida crimes em Manaus e prende jovem envolvido em homicídio

Na manhã desta sexta-feira (27/7), o delegado-geral da Polícia Civil do Amazonas, Mariolino Brito, falou durante coletiva de imprensa realizada às 10h, no Centro Integrado de Comando e Controle – Regional (CICC-Regional), no bairro Petrópolis, zona sul, sobre a prisão, em flagrante, de Jeidson Dutra Franco, 21, envolvido no homicídio de Jerdem Tavares Vidal, ocorrido na tarde da última quarta-feira (25/7), por volta das 17h, na rua Vitória, bairro Glória, zona oeste da capital. A vítima tinha 42 anos.

Mariolino Brito explicou que a ação, que resultou na prisão do jovem, faz parte de mobilização para elucidação de homicídios na capital, determinada pelo secretário da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), coronel Anézio Paiva.

Crime – O delegado-geral declarou que, na ocasião do delito, o infrator estava conduzindo um veículo modelo Gol, de cor prata e placas PHV-8682, quando abordou a vítima. No interior do carro estavam outros indivíduos, que até o momento não foram identificados pela polícia e efetuaram disparos de arma de fogo em direção a Jerdem, que não resistiu ao atentado.

Os policiais civis chegaram até o jovem após receberem informações sobre registro de Boletim de Ocorrência (BO) feito por Jeidson na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), informando que teria tido o carro roubado, utilizado na ação criminosa.

A prisão de Jeidson foi realizada por uma equipe da Polícia Civil do Estado na manhã de quinta-feira (26/7), por volta das 10h30, em uma residência localizada na travessa Ana Délia Albuquerque, bairro Nova Esperança, zona oeste de Manaus. Após a prisão do jovem, ele confessou participação no homicídio de Jerdem.

“Realizamos a prisão desse infrator e o autuamos em flagrante pelo homicídio de Jerdem. Isso é resultado de um trabalho integrado, que está sendo feito em conjunto e surtindo efeito. Nossa meta é tirar de circulação autores de homicídios na cidade. Nós, das Forças de Segurança, estamos na rua para impedir que essas pessoas causem terror na capital”, pontuou o delegado-geral da instituição.

Flagrante – Jeidson foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e falsa comunicação de crime. Ao término dos procedimentos cabíveis, o infrator será levado para Audiência de Custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul.

FOTO: Erlon Rodrigues/ Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.