Por falta de segurança, Festival da Canção de Itacoatiara é suspenso

O 33º Festival da Canção de Itacoatiara (Fecani) foi suspenso na noite desta quarta-feira (05), após uma liminar concedida ao Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM). A notificação foi dada por meio de um oficial de Justiça, logo após o início da festa. De acordo com o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), a documentação prévia exigida para a realização do evento não foi entregue no prazo legal. O Fecani começaria nesta quarta-feira indo até sábado (8).

Na decisão, o magistrado Rafael Rocha, da 3ª Vara do Tribunal de Itacoatiara, considera um relatório gerado após uma vistoria do Corpo de Bombeiros em maio deste ano. Foram constatadas na ocosião, diversas irregularidades, como a não existência de Atestado de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

O juiz ressalta no documento que “o eventual transtorno causado pela suspensão do evento na sua iminência é certamente menor que os danos que podem advir da sua realização sem as cautelas necessárias”. Outros eventos no local também estão proibidos no local até que sejam tomadas as medidas de segurança.

Em caso de descumprimento da decisão, a multa de diária estipulada pelo magistrado é de R$ 200 mil. Com informações do G1 Amazonas