Prefeitura orienta a regulamentação de organizações sociais

As organizações sociais que ainda não possuem qualquer documentação constituída, mas que possuem atividades com relevante interesse público e social já formalizadas, poderão contar com a orientação da Prefeitura de Manaus, por meio do Fundo Manaus Solidária, para que possam se regulamentar e, assim, se habilitem a buscar recursos para manter suas atividades.

Por recomendação da presidente do Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, foram criados dois canais de informação para essas organizações que ainda não estão legalizadas, mas que querem se legalizar. Por meio deles, os responsáveis pelas organizações obterão informações jurídicas e contábeis, além de orientação quanto aos editais – municipal, estadual, federal – em que podem concorrer.

Os canais são o Fale Conosco, que pode ser acessado na barra superior da página principal do site www.manaussolidaria.org, ou via WhatsApp (92) 98842-1542. Por meio deles, a equipe técnica do Manaus Solidária irá responder às dúvidas de todos os interessados.

Segundo Elisabeth Valeiko, todas as instituições que realizam trabalhos sociais relevantes na cidade merecem respeito, sejam elas grandes ou pequenas, por isso todas precisam ser tratadas de forma igual e com oportunidades semelhantes. Ela disse que querem conhecer as instituições, até mesmo as que estão sem CNPJ ou sem outras certidões.

O edital está disponível para consulta no site do Manaus Solidária e no site da Prefeitura de Manaus (www.manaus.am.gov.br). A divulgação do resultado final do credenciamento será feita no Diário Oficial do Município (DOM), em jornais de grande circulação e no site do Fundo Manaus Solidária no dia 20 de julho.