Preso traficante do Alvorada que matou namorada recepcionista do Barollo

Um dos traficantes mais procurados de Manaus nos últimos meses foi finalmente preso na noite deste domingo (29), em Manaus. O traficante Carlos Alberto Soares dos Reis, o “Carlinhos” do bairro Alvorada, é suspeito de matar a própria namorada, a recepcionista do Barollo Bruna Freitas.

Segundo a polícia, ele é ligado à facção criminosa Família do Norte (FDN) e foi baleado de raspão durante a ação que levou à prisão dele.

Ele tentou fugir durante a ocorrência,
mas foi cercado e detido na rua 13, do Alvorada, zona Centro-Oeste de Manaus.

O traficante foi atingido mão e na coxa

Carlinhos estava em um Corolla, de placas não identificadas, e tentou furar o bloqueio da polícia. O veículo acabou colidindo contra a parede de uma casa.

O traficante, que também é suspeito de ordenar mortes na zona Oeste nos últimos dias, foi levado para o Hospital e Pronto
Socorro 28 de Agosto.

A matança teria acontecido em virtude de uma rixa com o traficante rival Alexsandro Oliveira dos Santos, 32, o “Sandrinho”, que tambem estaria ligado à motivação da morte de Bruna Freitas.

A recepcionista foi encontrada morta com vários tiros na Colônia Japonesa, bairro Parque 10 de novembro. Ela foi vista pela última vez saindo de uma casa noturna, junto com Carlinhos e seus comparsas. Na ocasião, houve um tentativa de execução do grupo. Vários homens aparecem atirando contra eles. Mesmo já segura ao lado do namorado, Bruna apareceu mortes horas depois em uma área isolada. A polícia investiga o que aconteceu com a recepcionista após o tiroteio.

 

Compartilhe