Professora é presa por abusar sexualmente de aluno

Alyssia Marie Reddy foi detida nesta sexta-feira (01), segundo a polícia da Pensilvânia, nos Estados Unidos. As acusações são de assédio sexual, contato ilegal com um menor, uso criminoso de serviços de comunicação e corrupção de menor. A professora tem 29 anos e foi presa após supostamente abusar sexualmente de um aluno de 16 anos, no primeiro semestre deste ano.

Alyssa Reddy era professora de Inglês na Pennington School, uma escola particular que tem anuidade de US$ 38,100 (cerca de R$ 123 mil). O inquérito policial atesta que ela e o estudante cruzaram o Rio Delaware River para fazer sexo em uma espécie de parque localizado na Route 32, em Solebury Township.

A professora teria dado o número do próprio telefone ao estudante e depois adicionado ele ao Snapchat, em dezembro passado. As primeiras mensagens foram enviadas ao estudante em fevereiro deste ano. Em uma delas, Alyssa diz: “Quero que você me toque”. Cerca de três semanas depois, ele teria buscado o estudante na casa de um amigo em Solebury, e o levado até um parque, onde o crime foi cometido.