Programação especial do Dia do Músico termina nesta quinta-feira

Os músicos amazonenses ganharam uma programação especial para comemorar a sua data, celebrada no dia 22 de novembro. Desde a última quarta-feira, 19, o Sindicato dos Músicos do Amazonas (Sindmam) promove uma agenda que conta com palestras, workshops e atrações musicais e se encerra nesta quinta-feira, 27. O evento recebe o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Para fechar a extensa programação, na tarde desta quinta, às 15h, o Cineteatro Guarany, no Centro da cidade, recebe um painel que discutirá questões relacionadas a direitos autorais. O encontro tem a presença de Socorro Helena Souza, representante da Regional Norte do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), e Márcia Xavier, da União Brasileira dos Compositores (UBC).

Segundo o diretor-presidente da Manauscult, Bernardo Monteiro de Paula, o apoio ao evento é essencial para o fomento da cena musical local. “É inegável a importância dessa classe artística na realização de eventos culturais na cidade. Nada mais justo que, além de homenageá-los, estimular o seu desenvolvimento profissional”, afirmou Bernardo.

Programação diversificada

A agenda especial do Dia do Músico contou com o show de abertura ‘Mulheres In Concert’, estrelado por artistas consagradas como Kátia Maria, Ellen Mendonça, Márcia Siqueira e Lucilene Castro. A apresentação aconteceu na noite da quarta, 19, no Largo de São Sebastião. Outras atrações musicais no decorrer da programação foram shows com a Amazonas Jazz Band no Teatro Amazonas e Serginho Queiroz no Bar Caldeira, além de uma jam session especial no Estação Arte & Fato, na segunda-feira, 24.

A programação também foi recheada de discussões acadêmicas e profissionais voltadas à classe artística, como a mesa-redonda sobre Difusão da Música Amazonense. Outro destaque foi o workshop sobre estratégias para prevenir a LER /DORT (lesão por esforço repetitivo) em músicos, ministrado pela fisioterapeuta Ronise Lima, vinda de Belo Horizonte especialmente para o evento.

Para a cantora e secretária do Sindmam, Lucilene Castro, a programação procurou fortalecer a formação profissional dos músicos. “Foi a primeira vez que o evento teve essa dimensão. O sindicato tem feito esse trabalho de conscientização da classe, aproximando a participação dos músicos”, afirmou Lucilene. “Tivemos uma boa frequência, inclusive com a presença de muitos músicos jovens, para quem pudemos mostrar que o exercício dessa profissão vai além do palco, e envolve também preocupações com a representatividade e saúde, por exemplo”, reforçou a cantora.

Embora o encerramento seja na quinta, os músicos interessados ainda podem aproveitar para fazer exames de audiometria gratuitos até a sexta-feira, 28. Os exames ocorrem na sede do sindicato das 10h às 12h e das 14h às 17h, com os fonoaudiólogos Josenor Rocha e Selma Cavalcante, para verificar a qualidade do aparelho auditivo e vocal. O Sindmam é localizado na Rua José Clemente, 500, na sala 307 do Edifício Rio Mar, Largo São Sebastião, no Centro da cidade.