SEDUC/AM divulga relação de estudantes inscritos no Programa Parlamento Jovem Brasileiro 2018

Do total de inscritos, quatro estudantes serão escolhidos para encontro em Brasília.

Mais de cinquenta estudantes da rede pública estadual do Amazonas estão inscritos no Programa Parlamento Jovem Brasileiro (PJB) 2018. A relação dos inscritos foi divulgada pela coordenação do programa na Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC/AM). Do total de inscritos, quatro alunos serão selecionados para um encontro nacional, que acontecerá em Brasília.

O PJB é um programa vinculado à SEDUC, por meio do Departamento de Políticas e Programas Educacionais e da Gerência de Ensino Médio, com apoio do Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED). Realizado anualmente, o programa tem por objetivo possibilitar aos alunos do Ensino Médio de escolas públicas e particulares a vivência do processo democrático, mediante a participação em uma jornada parlamentar na Câmara dos Deputados, em que os estudantes tomam posse e atuam como deputados jovens.

Neste ano, de acordo com a coordenação do programa na Secretaria de Educação do Amazonas, 54 projetos de lei elaborados pelos alunos das escolas da rede estadual foram inscritos no programa. A relação dos estudantes inscritos está disponível no site da SEDUC: www.educacao.am.gov.br.

“A próxima etapa será a avaliação dos quatro melhores projetos, os quais serão encaminhados a Brasília para a seleção de nosso representante no encontro nacional, que ocorrerá no período de 30 de setembro a 5 de outubro”, informou o assessor técnico da Gerência de Ensino Médio da SEDUC e coordenador do programa, Antônio Braga.

Seleção

Braga explicou ainda que a seleção dos quatro melhores projetos de lei já está acontecendo e deve se estender até o dia 20 de junho. A seleção é feita por professores da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas e também da SEDUC.

As inscrições para o programa deste ano ocorreram entre os dias 28 de março e 4 de junho de 2018.

Segundo o coordenador do programa na SEDUC, a participação dos estudantes da rede estadual é importante para que eles possam desenvolver uma consciência política. “Seria muito que o aluno desenvolvesse essa consciência política, não a consciência partidária política, porque todos nós já nascemos políticos, mas a consciência política de que ele é um cidadão e que ele pode fazer bem as suas escolhas”, informou.