SSP-AM diz que ‘toque de recolher’ promovido no Whatsapp é boato

Manaus – Sobre o aviso espalhados em grupos de Whatsapp, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) informou que todas as mensagens de teor semelhante, apócrifas, atribuídas a facções criminosas, espalhando informações inverídicas com o claro intuito de gerar medo na sociedade, são investigadas. Ressaltou, também, que informações que possam identificar a autoria desse tipo de crime podem ser feitas pelo 181.

Nota na íntegra

“Todas as mensagens de teor semelhante, apócrifas, atribuídas a facções criminosas, espalhando informações inverídicas com o claro intuito de gerar medo na sociedade, são investigadas. Pedimos cautela aos órgãos de imprensa ao dar espaço a esse tipo de mensagem, sem comprovação de veracidade, pedindo aos veículos, tão indispensáveis em informar a verdade dos fatos à sociedade, que somem esforços no combate à proliferação de boatos que só causam medo à população e em nada contribuem com o enfrentamento da violência e com o trabalho diário desenvolvido pelas forças de segurança pública”.

“Pedimos a colaboração de toda a sociedade com informações que possam identificar a autoria desse tipo de crime, com denúncias anônimas através do 181. A ligação é gratuita, o sigilo da fonte é garantido e a central de atendimento funciona 24 horas por dia”.

Compartilhe