Universidade do Estado do Amazonas lança novo programa de ensino e revista institucional

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) inova ao implantar o Programa Pró-Inovação no Ensino Prático de Graduação (Pró-Inovalab Amazonas), que cria Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVA) para que alunos e professores possam ter acesso aos conteúdos e materiais didáticos por meio de tablets, computadores e smartphones. O lançamento do programa aconteceu na tarde desta terça-feira, 2 de dezembro, no auditório da Escola Superior de Ciências da Saúde da UEA, localizada no bairro da Cachoeirinha, zona sul de Manaus.
A implantação do programa na Universidade é fruto da parceria com a Universidade de São Paulo (USP), sendo que a UEA é a segunda instituição de ensino superior do Brasil e da América Latina a adotar o Pró-Inovalab. Para o reitor da Universidade, Cleinaldo de Almeida, a meta é que em quatro anos todas as unidades da UEA no Estado estejam com o programa.

“É uma revolução de ensino que chega a nossa universidade com esse tipo de inovação das tecnologias de informação e comunicação. Queremos que toda a Universidade esteja coberta pelo Pró-Inovalabe nos próximos quatro anos. Vamos começar a treinar nossos docentes, alunos monitores e técnicos administrativos”, explicou.

Além da criação de novos formatos de materiais digitais, o Pró-Inovalab possui o programa “Homem Virtual”, um sistema de computação gráfica que consiste na produção e desenvolvimento de imagens tridimensionais das estruturas do corpo humano com impressões em terceira dimensão (3D).

Conforme o coordenador Pró-Inovalab da USP, professor Chao Lung Wen, a produção de objetos e estruturas do corpo humano vai suprir uma demanda e facilitar o aprendizado dos alunos.

“O aprendizado em Medicina, Enfermagem e Odontologia tem um problema sério, que é a falta de corpo humano para aprender anatomia. Então o projeto trabalha com a inovação de produzir estruturas semelhantes a do corpo humano para que o aluno possa aprender. Em qualquer local que tenha impressora em 3D, o aluno pode reproduzir a mesma estrutura. Isso é primordial para o aluno construir seu conhecimento, a partir das estruturas anatômicas”, destacou o coordenador.

Revista – Na mesma solenidade de lançamento do Pró-Inovalab Amazonas, foi lançada a primeira edição da “UEA em Revista”. O periódico traz temas variados, com o foco na divulgação científica de produções feitas por pesquisadores, professores e alunos da universidade. A revista também está disponível na versão digital no www.uea.edu.br.

Compartilhe