Vírus que “rouba” arquivos se espalha e deixa brasileiros assustados

Com o aumento do uso da internet por adolescentes o compartilhamento de fotos íntimas se tornou um perigo para muitos jovens que não medem os riscos dessa exposiçãoValter Campanato/Agência Brasil
Com o aumento do uso da internet por adolescentes o compartilhamento de fotos íntimas se tornou um perigo para muitos jovens que não medem os riscos dessa exposiçãoValter Campanato/Agência Brasil

O vírus Cry Brazil, que tem como principal alvo usuários brasileiros, tem se espalhado pela internet e chamado a atenção de pesquisadores em segurança digital. Quando instalado, o ransomware “sequestra” arquivos do computador e deixa uma mensagem exigindo um resgate para liberá-los. A exigência surge no lugar do papel de parede do Windows.

De acordo com o Techtudo, o Cry Brazil se espalha por meio de um documento falso por e-mail. A vítima pensa que está abrindo um PDF simples, mas o arquivo vem acompanhado de um executável oculto que instala o vírus no computador. Assim que é instalado, o malware transforma utiliza criptografia para impedir que documentos, fotos, vídeos e mais sejam abertos. Os arquivos acabam recebendo a extensão .crybrazil.

Como evitar o vírus?

Para se proteger, mantenha sempre o sistema e o antivírus atualizados; evite baixar arquivos não solicitados por e-mail e procure não clicar em links desconhecidos.

Meu computador foi afetado, e agora?

Caso o PC já tenha sido infectado, especialistas recomendam que as vítimas não paguem o resgate, já que uma restauração no sistema pode acabar com o problema. Com informações do Minuto ao Minuto.